Petrobras já recuperou mais de R$ 800 milhões desviados desde 2015

A Petrobras já recuperou mais de R$ 800 milhões desde 2015 com acordos de leniência e delações premiadas relativas a escândalos de corrupção investigados pela Operação Lava Jato. Conforme divulga a jornalista Mônica Bergamo, na “Folha de S. Paulo” desta segunda-feira, só na última sexta-feira (27), R$ 81 milhões entraram no caixa da estatal. O dinheiro foi ressarcido pela multinacional britanica Rolls-Royce.A Rolls-Royce foi delatada pelo ex-gerente de Serviços da Petrobras, Pedro Barusco. A empresa foi acusada de ter pago propinas a funcionários da estatal petroleira para fechar um contrato de 100 milhões de dólares, no qual forneceu turbinas de geração de energia para plataformas de petróleo. Como lembra a colunista, nas últimas duas semanas a empresa também recebeu R$ 1,6 milhão devolvidos pelo ex-diretor da Petrobras, Nestor Cerveró, e outros R$ 2 milhões do ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, ambos firmaram acordos de colaboração premiada.