De olho nas notícias…

Rede Globo oferece “cursos para bandidos”, acusa Marco Feliciano

O deputado pastor Marco Feliciano (PSC/SP) usou as redes sociais para fazer uma dura crítica à Rede Globo e, mais especificamente, à novela A Força do Querer. Lendo um texto assinado pela Associação Pais & Filhos do Brasil, o parlamentar acusou a emissora carioca de cometer uma “covardia contra a família”. Enumerando várias das tramas do folhetim, que coloca como heroína uma traficante e promove a glamourização da mudança de sexo, Feliciano disse acreditar que a Globo oferece “cursos para bandidos” diariamente em sua programação. Insiste que o canal de TV de maior audiência do Brasil possui uma “parceria” com as instituições do crime organizado e que os cidadãos do país, todos os dias após o Jornal Nacional são ensinados a praticar “golpes em geral”, aprendem como trair o marido ou esposa e a incentivar seus filhos a serem homossexuais. Conforme o texto lido pelo pastor, “essa campanha de degradação da família brasileira, existe há quase 30 anos. Isso faz parte de algo bem maior”. Finalizou dizendo “Eu não aceito! E você?”, pedindo que seus seguidores compartilhassem o vídeo nas redes sociais. Em menos de 4 horas o material viralizou, sendo visualizado mais de 700 mil vezes apenas no Facebook.

Confira o texto na íntegra:

Cursos para bandidos

“A Rede Globo, em parceria com as instituições do crime organizado, está oferecendo curso de gerenciamento de bocas de fumo, traficantes, golpes em geral, tudo gratuitamente. As teleaulas são de segunda à sábado, após o Jornal Nacional …
-Quer aprender a trair o marido ou esposa?
-Quer virar viciada em jogos clandestinos?
-Quer ser patrão de tráfico ou gerente?
-Quer virar mulher de bandido?
-Quer incentivar seu filho a ser Gay ou Lésbica ?
-Quer dar o golpe da barriga e mentir quem é o pai só pra se dar bem ? Na Globo você tem todos esses cursos gratuitamente, não paga nada por isso. Infelizmente essa campanha de degradação da família brasileira, existe há quase 30 anos. Isso faz parte de algo bem maior. Cazuza escreveu nos anos 80: “Transformamos o país em uma zona, pois assim se ganha mais grana.” Agora até comercial incentivando a mudança de sexo, a Globo tá passando durante a novela. Não demora, vão começar a exibir também pela manhã e tarde. Covardia contra a família. Eu não aceito! E você?”

(Informações: Gospel Prime – por Jarbas Aragão)

Romário ironiza Garotinho: ‘Mandarei quentinha para você na cadeia’

Depois que Anthony Garotinho foi preso, na última quarta-feira (13), acusado de comandar um esquema de compra de votos, o senador Romário (PSB) usou suas redes sociais para ironizar o ex-governador. Garotinho havia criticado o político, durante o seu programa de rádio diário, ao questionar como seria o governo do ex-jogador de futebol, caso ele fosse eleito. Ele usa a expressão que virou marca do “baixinho”, quando ele ainda brilhava nos campos de futebol. “Ele reunido em um momento de crise, com os comandantes dos batalhões”, diz Garotinho. Ao que o companheiro dele no estúdio completa: “Aí peixe, aí peixe, ele chama todo mundo de peixe”. “Brincadeira, não é?!”, emenda o ex-governador.

Ontem, foi a vez de Romário retrucar: “Ao saber da prisão do Garotinho hoje, lembrei-me que um dia desses recebi um vídeo onde ele debocha da possibilidade de eu ser governador do Rio. Ele induz que eu não imporia respeito ao passar em revista as tropas. Hoje vai minha resposta a ele: Garotinho, eu posso passar em revista as tropas. Já você, preferiu ser escoltado por elas até a cadeia. Inclusive, eu serei um que mandarei quentinha pra vc na cadeia”, escreveu o senador, no Facebook, acompanhado do vídeo em que Garotinho fala sobre essa hipótese.

Garotinho foi detido por agentes da Polícia Federal na Rádio Tupi, em São Cristóvão, no meio da gravação do seu programa, por volta as 10h30. Ele foi levado por policiais federais para Campos dos Goytacazes, onde cumprirá prisão domiciliar.

TRE-BA julga contas de campanha de neto na próxima semana

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) marcou para o próximo dia 19, às 9h, o julgamento do recurso das contas de campanha de 2016 do prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM). Da última vez, o juiz Osvaldo Rosa Filho, da 6ª Zona Eleitoral de Salvador, recusou a prestação eleitoral do democrata e estipulou multa de mais de R$ 370 mil. O advogado de defesa do prefeito, Ademir Ismerim, afirmou que a banca pleiteia redução da multa para R$ 91 mil e a aprovação das contas apresentadas. Foram apontados pelo magistrado sete pontos de incongruência nas movimentações eleitorais.  Caso não obtenha êxito nesta apelação ao TRE, o democrata e sua defesa podem recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). (Bahia Econômica)

Barro Alto: MP-BA denuncia ex-secretário de Assistência Social por desviar R$ 4,4 mil

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) denunciou o ex-secretário de Assistência Social do município de Barro Alto, Genicleudo Gualberto da Silva, por desviar em proveito próprio um total de R$ 4,4 mil em recursos públicos. O montante foi recebido em diferentes valores mensais durante cinco meses de 2014 (julho, agosto, setembro, outubro e dezembro) e em fevereiro de 2015. Segundo a denúncia, oferecida pelo promotor de Justiça Áviner Rocha Santos, Genicleudo da Silva recebeu o total desviado em espécie e pessoalmente no gabinete da Secretaria. As investigações apontam que os repasses foram entregues ao então secretário por três conselheiros tutelares a quem Genicleudo da Silva pediu pessoalmente que recebessem os valores em suas contas-correntes. Aos conselheiros, o ex-secretário teria alegado que o dinheiro era para pagar a remuneração de uma funcionária de serviços gerais recém-contratada pelo órgão. Os repasses teriam sido depositados na conta dos conselheiros a título de pagamento de horas-extras nunca trabalhadas, sacados e depois entregues nas mãos do então secretário.

Presidente da Assembleia Legislativa da Bahia recebe o título de cidadão soteropolitano

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), Ângelo Coronel, foi homenageado na noite desta quinta-feira (14), com o título de cidadão soteropolitano. Ele recebeu a homenagem em uma sessão solene na Câmara de Vereadores de Salvador, com a presença do governador Rui Costa e do Prefeito ACM Neto. Natural do município de Coração Maria, o presidente da Alba é formado em engenharia civil e também trabalhou como empresário, ingressando na política e sendo eleito prefeito de sua cidade natal, entre 1989 e 1992. Desde então, já foi deputado estadual por seis mandatos, e, este ano, assumiu o cargo de presidente da Assembleia. “É o coroamento. Eu moro há 50 anos nessa cidade, e sinto como se hoje fosse um batizado. Aqui eu construí minha família, estudei, me formei. Fico feliz de me tornar um cidadão soteropolitano”, afirmou o deputado, que cantou um trecho da música “Noites Traiçoeiras” antes de receber o título. Em nome dos familiares e amigos queridos, a esposa do homenageado e presidente da Assembleia do Carinho, projeto social da Alba, Eleusa Coronel, falou sobre a história da família. “Foi em Salvador que vivemos momentos importantes da nossa vida e esse é um reconhecimento que nos deixa muito feliz”. A homenagem foi proposta pelo vereador Duda Sanches, que falou sobre a contribuição política do presidente Ângelo Coronel, destacando a promoção de ações importantes pela capital e também pela Bahia.

Número de cidades baianas presentes no Mapa do Turismo cresce 28%

O número de cidades turísticas compondo o Mapa do Turismo da Bahia cresceu 28% em comparação com o ano anterior. Agora 150 municípios baianos distribuídos em 13 regiões fazem parte do mapa. A partir do levantamento são apontadas prioridades para as políticas públicas do setor de turismo. O documento foi divulgado nesta quinta-feira (14) pelo Ministério do Turismo. 52 cidades baianas foram incluídas e outras 19 foram retiradas da lista. A atualização frequente do Mapa do Turismo faz parte de uma estratégia adotada pelo governo federal com o objetivo de fortalecer o setor de viagens no país.  No Brasil, 3.285 municípios distribuídos em 291 regiões estão presentes no levantamento.

F. de Santana: Bancários fazem manifestação em ‘Dia de luta’ pelos direitos da categoria

Bancários da Caixa Econômica Federal realizaram na última quarta-feira (13), uma manifestação pelo Dia Nacional de Luta, com o objetivo de reivindicar mais valorização e respeito aos direitos da categoria. Sandra Freitas, presidente do Sindicato dos Bancários, disse em entrevista ao Acorda Cidade que a orientação nacional é que a quarta-feira seja o Dia de Luta na Caixa Econômica Federal e um momento de reunir os trabalhadores contra a tentativa de privatização do banco.  “Estamos lutando contra esse desmonte que está acontecendo com as agências, lutando com essa tentativa de privatização da Caixa Econômica Federal, lutando contra esse plano de incentivo para que os bancários se aposentem ou peçam demissão. Essa situação está reduzindo cada vez mais o número de funcionários das agências, prejudicando o atendimento aos clientes e adoecendo o trabalhador”, afirmou.  A ação aconteceu na agência da Avenida Getúlio Vargas e semana que vem está programada para ser realizada na agência do bairro Santa Mônica. Mesmo com a manifestação, segundo a sindicalista, o atendimento bancário está sendo mantido normalmente e os bancários também estão conversando e sensibilizando a população sobre a luta da categoria. Ela declarou ainda que não há indicativo de greve com relação à rejuste salarial, mas nada impede que a categoria se manifeste em relação à manutenção dos seus direitos. (Acorda Cidade)

Defensoria pede bloqueio de bens e garantir indenização de vítimas de Mar Grande

A Defensoria Pública da Bahia (DP-BA) ajuizou uma ação contra a CL Empreendimentos LDA para garantir a disponibilidade financeira para pagamento de indenizações as vítimas da tragédia em Mar Grande, ocorrida no dia 24 de agosto, que culminou na morte de 19 pessoas. Na ação, a Defensoria Pública pediu a indisponibilidade preventiva de bens móveis, imóveis e direitos creditícios tanto da CL Empreendimento quanto de seu sócio, para impedir a prática de qualquer ato que importe alienação, doação, sub-rogação ou qualquer outra forma desfazimento de bens e direitos. O órgão ainda pediu o bloqueio de 20% da renda líquida auferida com a venda de bilhetes de transporte marítimo de passageiros Mar Grande-Salvador e vice-versa, com o subsequente depósito de valores em uma conta judicial, a ser aberta especialmente para o fim de constituir capital para suportar as despesas com o pagamento de indenizações até o montante fixado na sentença definitiva, resguardando o direito das partes assistidas pela Defensoria Pública.  A ação foi assinada pela defensora pública Eliana de Souza Batista. (BN)